Em formação

As vozes da natureza

As vozes da natureza


AS VOZES DA NATUREZA

Nossa amada terra é um planeta vivo. Essa afirmação, que pode parecer trivial, é na verdade ditada pelo fato de que, onde e quando começamos a ouvi-la e observá-la, ouvimos sua voz. O silêncio da noite é realmente rico em sons, assim como a profundidade mais oculta é rica em sons e mesmo que pareçamos não perceber nada, ouvimos nossa respiração e as batidas de nosso coração.

O silêncio para o homem (e talvez também para outros animais) não é concebível porque nossa vida é feita de sons e como tal som é sinônimo de vida.

Além disso, o som é a base de qualquer idioma e sem ela também não haveria música, como se não houvesse cores, não haveria pintura.

Se nos concentrarmos em ouvir os sons que nos rodeiam, por exemplo, quando caminhamos ao longo de um caminho de montanha, percebemos quantos sons podemos ouvir: o canto de um pássaro, o latido de um cachorro, o murmúrio da água de um rio que corre não muito longe, as folhas se agitam ao vento ... Na verdade, se pensarmos bem, a natureza é a fonte inspiradora de todas as artes, assim como as plantas foram os primeiros remédios para o homem.

Cada som da natureza desperta em nós um sentimento: o quebrar das ondas na orla dá-nos uma sensação de paz; o mar tempestuoso batendo nas ondas com força nas rochas nos dá uma sensação de angústia e medo; caminhar sobre uma extensão de folhas secas, onde ouvimos seu rangido sob nossos pés, nos dá uma sensação de melancolia; a alegre canção de um rouxinol, em vez transmite uma sensação de alegria ... Mas até a cidade tem seus sons: o rugido dos motores dos automóveis; o toque de telefones; a gritaria das pessoas; buzinas de carro ... E cada um desses sons ainda está associado a uma sensação: será que não ficamos tristes quando ouvimos a sirene de uma ambulância pensando que ela está lá dentro e está doente?

Qualquer som, portanto, desperta um sentimento, uma emoção no homem. Mesmo uma pintura, uma foto, um poema, uma história, porém, trazem à nossa mente as mesmas sensações: uma pintura onde uma praia com palmeiras é pintada com um mar azul límpido não nos faz sentir o bater das ondas. a costa?

A conclusão que podemos tirar é, portanto, que qualquer coisa, visual e sonora, desperta emoções que vêm de nossa vida vivida, portanto, graças a esse mecanismo acústico e visual, podemos viver e reviver todas as emoções vividas traduzidas em linguagem sonora.


Vídeo: Música Para Dormir com Som do Mar e Natureza - Meditar e Relaxar