Vários

Botânica sistemática: definição e significado

Botânica sistemática: definição e significado


SYSTEMATIC BOTANY

A botânica sistemática é o ramo da botânica que lida com o reconhecimento e classificação das plantas e seu arranjo (taxonomia) em categorias hierarquicamente dependentes por meio do estudo de sua morfologia e de sua genética.

Dicionário botânico de A a Z.


O curso proporciona a aquisição de noções fundamentais sobre a célula, tecidos e órgãos, bem como sobre os mecanismos de desenvolvimento e sobre os diferentes modos de propagação e reprodução dos organismos vegetais, em particular das plantas superiores. Aquisição dos principais conhecimentos sobre linhas evolutivas, regras de nomenclatura botânica, grupos taxonómicos, incluindo os personagens das principais famílias da Flora Italiana e a utilização de chaves analíticas para a sua identificação. Compreender a importância e o valor da biodiversidade.

Os alunos devem ter um conhecimento básico de citologia e biologia do desenvolvimento.


Critérios de classificação

A sistemática usa sete agrupamentos chamados categorias sistemáticas.
As categorias sistemáticas são ordenadas hierarquicamente da menor para a maior:
Espécie, gênero, família, ordem, classe, filo, reino.

A categoria fundamental
A espécie é a categoria fundamental.
A espécie é o conjunto de todos os indivíduos com características muito semelhantes que, ao acasalar, geram filhos semelhantes aos pais e férteis, ou seja, capazes por sua vez de gerar filhos.
EXEMPLO: o burro e a égua pertencem a espécies diferentes porque geram a mula estéril (incapaz de dar à luz).

As outras categorias sistemáticas
Gênero: grupos de espécies semelhantes entre si, por exemplo, cão e lobo pertencem ao gênero Canis
Família: agrupa gêneros semelhantes. A raposa, o cão e o lobo estão agrupados na família canina
Ordem: agrupa várias famílias semelhantes entre si. O cão e o leão são agrupados na ordem dos carnívoros
Classe: agrupa pedidos semelhantes. Animais que dão à luz, têm seios para mamar e pele coberta de pelos são agrupados na classe dos mamíferos
Filo ou tipo: agrupa várias classes semelhantes
Reino: é a maior categoria sistemática e inclui mais filos.


Dicionário italiano

Dicionário online retirado de:

Ótimo dicionário italiano
de GABRIELLI ALDO
Dicionário da Língua Italiana

  • sismômetro
  • seismoscópio
  • sim senhor
  • Sissino
  • maricas
  • sistema
  • arranjo
  • sistemático
  • sistematicamente
  • sistemático
  • sistemático
  • sistematizar
  • sistematização
  • alojamento
  • sistêmico
  • Engenheiro de sistemas
  • Engenharia de sistemas
  • Engenharia de sistemas
  • systyle
  • sistina
  • sístole

5 MED afetando todo um sistema de órgãos: doença, afeto sistemático
‖ PECADO. sistêmico

De a até o z

Usamos cookies de perfil, inclusive de terceiros, para melhorar a navegação, fornecer serviços e oferecer publicidade de acordo com suas preferências. Se você quiser saber mais ou optar por não receber todos ou alguns cookies, clique aqui. Ao fechar este banner ou continuar a navegar, você concorda com o uso de cookies.


O horário de todos os cursos está disponível na EasyAcademy.

Consulte a solicitação de ensino específica do AulaWeb para atualizações devido a mudanças na situação de saúde e epidemiológica.

O exame inclui três testes escritos em andamento, um relacionado à botânica geral, um à botânica sistemática e um a exercícios de laboratório. Só são admitidos aos exames laboratoriais in itinere alunos com pelo menos 75% de presença nas aulas teóricas. O exame final consiste na apresentação de um pequeno herbário, sendo a nota global a média ponderada das notas obtidas nas várias provas. As notas parciais são válidas apenas para o período de verão (junho, julho e setembro) do ano letivo em curso.

Os alunos reprovados ou reprovados nos testes em andamento devem fazer um exame oral sobre o programa de ensino completo.

Os alunos que fizerem ou passarem em apenas um dos testes em andamento em botânica geral e botânica sistemática podem recuperar o teste faltante com uma única tentativa, nas sessões de junho e julho do ano letivo em curso.

explicar e descrever a estrutura e função das plantas

aplicar métodos de investigação histológica e anatômica de tecidos e órgãos vegetais

comparar os ciclos reprodutivos dos principais grupos taxonômicos

descrever a estrutura e funções dos órgãos reprodutivos dos espermatófitos

distinguir os principais grupos taxonômicos do reino vegetal

identificar as principais famílias de Angiospermas

usar chaves de reconhecimento dicotômicas

use diagramas floridos e fórmulas

Testes em andamento serão realizados. Para a parte teórica (Bot. Gen. e Bot. Sist.) Existem dois testes, um no final de cada módulo. Um teste final será realizado para o laboratório, incluindo o reconhecimento de amostras de plantas. Após a conclusão da avaliação, será exigida a apresentação de um pequeno herbário.

Aqueles que não realizaram ou passaram nas provas em andamento deverão realizar uma prova oral clássica, abrangendo todos os tópicos abordados durante as aulas teóricas do curso (Bot. Gen. + Bot. Sist. + Lab) e incluindo agradecimentos de uma seção anatômica e amostras de plantas. A prova oral terá como objetivo avaliar não só se o aluno atingiu um nível de conhecimento adequado, mas se adquiriu a capacidade de articular estrutura e funções nas plantas.


Aulas teóricas e / ou online e provas online ou se possível em sala de aula (60 horas)

Práticas em laboratório ou online (16 horas)

Experiências de campo (16 horas)

Consulte a solicitação de ensino específica do AulaWeb para atualizações devido a mudanças na situação de saúde e epidemiológica.

As aulas do primeiro semestre terão início em 23 de setembro de 2020 e terminarão em 16 de janeiro de 2021. As aulas do segundo semestre terão início em 16 de fevereiro de 2021 e terminarão em 11 de junho de 2021. Ver cronograma detalhado no seguinte link: https://easyacademy.unige.it/portalestudenti/

O horário de todos os cursos está disponível na EasyAcademy.


Canal O-Z de Botânica e Diversidade de Plantas

NOTÍCIA IMPORTANTE

Queridos estudantes,

A cada ano, o prêmio intitulado "Prêmios para ensino universitário“aprovado em Assembleia de Docentes. Todos os alunos inscritos e inscritos no nosso Corpo Docente recebem no seu e-mail oficial da Sapienza, o pedido de denúncia dos docentes que, na sua opinião, foram os mais eficazes entre os atendidos durante os seus estudos.

Peço que você participe da iniciativa. Seu sucesso depende de sua contribuição.

Programa de curso BDV O-Z

DIVERSIDADE DE BOTÂNIA E VEGETAL (8 CFU + 1 laboratório)

Definição de organismo vegetal. Célula procariótica e eucariótica. Autotrofia e heterotrofia. Principais diferenças entre células animais e vegetais.

CITOLOGIA VEGETAL. Membranas biológicas: composição e estrutura das proteínas da membrana Movimento da água e solutos através das membranas. Parede celular: biogênese e arquitetura, crescimento e especialização em relação à diferenciação de diferentes tecidos. Os plasmodesmas. Separação de células. Vacúolo: biogênese, tonoplasto e suco vacuolar, papel na distensão celular, na reserva e segregação de metabólitos secundários. Plastídios: ultraestrutura dos principais tipos de plastídios (proplastídios, cloroplastos, leucoplastos, cromoplastos e gerontoplastos). Ciclo de desenvolvimento de plastídios. Origem evolutiva. Citoesqueleto: organização geral (microtúbulos, filamentos de actina e filamentos intermediários), papel na formação da parede, envolvimento do citoesqueleto no ciclo celular (sistema de microtúbulos corticais, banda pré-profásica, fuso mitótico, fragmoplasto), nos processos de motilidade e diferenciação celular. Sistema endomembrana: peculiaridades da célula vegetal. Transporte vesicular, classificação de proteínas para o vacúolo. Exocitose e endocitose. Núcleo: peculiaridades da célula vegetal. O ciclo celular na célula vegetal. Papel da meiose na alternância de gerações de plantas, ciclos biológicos.

HISTOLOGIA. Tecidos meristemáticos primários e secundários. Tecidos adultos: tegumentares, parenquimáticos, mecânicos, condutores e secretores.

MORFOLOGIA E ANATOMIA DOS ÓRGÃOS DE PLANTA. Caule: morfologia da ontogênese do caule e diferenciação do corpo primário: cone vegetativo, zona de determinação, origem dos estiramentos foliares e dos ramos primordiais, zona de diferenciação. Estrutura primária do caule em gimnospermas e diferenciação de mono e di-cotilédones do câmbio cribro-vascular e suberofelodérmico estrutura secundária do caule em gimnospermas e angiospermas, especializações e adaptações do caule. Folha: morfologia de origem evolutiva anatomia especializações e adaptações de abscisão foliar. Raiz: organização dos sistemas radiculares do ápice radicular e diferenciação dos tecidos primários formação da estrutura primária da diferenciação das raízes laterais das especializações e adaptações da estrutura secundária do câmbio cribro-vascular e suberofelodérmico.

REPRODUÇÃO. Reprodução vegetativa. Transição da fase vegetativa para a fase reprodutiva. Flor: estrutura de evolução dos elementos florais. Os elementos férteis da flor: androceu e gineceu. Reprodução sexual. Mecanismos de polinização e formação de fertilização e desenvolvimento do endosperma secundário do embrião e substâncias de reserva. A semente: método de dispersão da germinação das sementes. Frutos: formação e classificação da maturação.

DIVERSIDADE História da vida na Terra. Significado de taxonomia e sistemática. Organização hierárquica das linhas gerais dos sistemas vivos sobre a classificação das plantas. Especiação. Nomenclatura botânica.

CIANOBACTÉRIA , importância sistemática, ecológica e evolutiva.

ALGAE : características gerais das principais divisões, sistemática, reprodução, importância econômica.

COGUMELOS : características gerais, a célula fúngica, sistemática e modo de reprodução, ciclos de vida Zygomycota, Ascomycota, Basidiomycota.

BRIOFITE : transição da vida aquática para a terrestre, características gerais e ciclos de vida, sistemática e filogenia.

PTERIDOFITE : Características gerais, sistemática, ciclos de vida, reprodução.

GINOSPERME : características gerais e reprodução. Sistemática: Cycadophyta, Ginkgophyta, Coniferophyta, Gnetophyta.

ANGIOSPERME : diversidade e dicas sobre a evolução, fatores que contribuíram para o sucesso evolutivo, caracteres morfológicos necessários à classificação. Angiospermas Eu-dicotiledôneas e Monocotiledôneas, as principais famílias da flora italiana.

Laboratório (requisito de frequência. Só pode fazer o exame se tiver frequentado pelo menos 4 dos 6 exercícios). Preparação de preparações. Observação da célula vegetal ao microscópio óptico: parede, plastídios, vacúolo. Preparações histológicas de amostras de raízes, caules e folhas e sua análise ao microscópio óptico. Observação de alguns fungos e algas ao microscópio óptico. Utilização de chaves dicotômicas para o reconhecimento de espécies vegetais, por meio do uso de estereomicroscópio. Visita ao Jardim Botânico de Roma.


Vídeo: Bolsonaro genocida u0026 a proibição de boas notícias! por Coppolla